quinta-feira, 19 de abril de 2012

Abespinhado

O Bechas, além de pacato, era um bom vizinho... á noite, quando se recolhia consigo mesmo, tocava á desgarrada gaita de foles, para se infernizar a si próprio.
Era um visionário, via mais á frente, ... levantava-se antes dele próprio acordar,...
Tomava sopas de cavalo cansado, para se cansar, ... e assim se desculpar, de passar a manhã encostado ao balcão da taberna do t´Zé Simão, a entornar copos de vinho rasca, com presunto sarnoso.
A pasteleira, oxidada e ferrugenta, já era amestrada, ... a alturas tantas,  sabia os cantos onde devia virar, parar, .... apesar do guiador ébrio do Bechas. Parava na mercearia da Ti Quitas, para liquidar o fiado... e trazer feijão, toucinho, broa, ... apregoava da conta estar tão alta.
No decorrer da tarde, logo depois do almoço, da ressaca e da sesta, lia as efemérides do Borda d´Água, ao som do relógio de corda, para queimar o resto da dia... levantava-se repentinamente e azucrinava com o moicho, ... vinha vistoriar o quintal que as silvas e mato, já tinham galgado, ... desatinava com a enxada encostada e desencabada.
A janta, normalmente de bom sustento, cheirava a sopa de feijão com carne gorda, ... na companhia do petromax, duma leiva de broa, do tilintar da colher no prato, e de um agreste vinho de uva farrapilha ... com dois dedos de conversa, resmungava fulo com o lume, da casa estar fria...
 Dava uma maquia na gaita de foles, antes de se deitar, ... batia com as portas, danado para descarregar o resto da tensão do dia, ... e já deitado, ressonava.
Não há quem entenda o Bechas
...
Ao dia 30 de Fevereiro, recebia o seu vencimento, no lagar do Juiz: um conto e dezoito notas, na folha de paga, ... sempre a mesma descrição: "Abespinhado 1ª categoria"

1 comentário:

Nilson Barcelli disse...

Magnífico texto.
Abraço, caro Ditonysius.