quarta-feira, 13 de abril de 2011

Ser o primeiro ...

Em tempos, não tardios quanto isso, a esposa tratava destas questões, que como se costuma dizer, "trabalho que ninguém vê, mas de enorme significado!" agora entendo ... dia tirado propositadamente, para o efeito.
Começámos o dia por uma das pontas, ... primeira volta,  a vacinação ...
"Pai! Quero ser o primeiro!" declarou o grandão, para o desconhecimento de causa, mas empolgado por ser novidade, nesta fase...
Entrámos na sala de paredes azulejo branco, coberta por algumas informações de instituições públicas, e enfeitadas com bonecos do imaginário infantil ... uma enfermeira com a experiência estampada numa bata manualmente pintada de flores, palhaços e afins, ... uma assistente, nova no ramo e na idade, que sorria e administrava a respectiva imunização, ...
"Bom dia! Posso?" permanecendo á porta, aguardando pela vez do freguês, de mãos dadas com os filhotes ...
Entrámos com a simpatia da recepção da enfermeira "Entrem! Entrem!"
"Eu quero ser o primeiro!" frisou de novo o grandão, sentando-se no almofadado banco castanho, de pronto!
"Muito bem! Vamos cá ver este menino, como anda!" paginando o seu pequeno boletim de vacinas. e nada encontrando... "Hum hum! Está tudo em dia! Estás aviado!" ... saiu do banco, um pouco constrangido! A vez da filhota chegou, tomando o lugar do irmão, que pronta e manga arregaçada, valentemente cerrou os olhos e ... "Já está!"... e para dar o exemplo, o próprio ... "moi même!" ... o dito reforço, que comparo a uma forte martelada que desfalece sem dó, atingindo todo o ombro,  ... ainda se ressente!
A outra ponta, chamava-se dentista, ... " Pai! Quero ser o primeiro!" frisou o grandão, novamente!
Entramos, no consultório! A dentista aguardava junto a uma cadeira espectacular, "com luzes, botões e tudo" para espanto dos miúdos, ... recebeu-nos ainda de mascara verde, mas depressa destapou o sorriso, removendo o lado temerário da especialidade: um pôr á vontade! Depressa o grandão, tomou o seu lugar, na cadeira que "sobe e desce, e meche assim e assim", como um astronauta na sua spaceship ... a luz ajustou-se até á distância necessária de observação, os reactores fizeram a ignição, contagem decrescente, e ... "Huston! We have a problem!" ... quase havia um lift off; a dentista observou, e ... "Já está!Não é preciso mexer em nada!"
Desiludido, saltou da cadeira espacial, deixando o seu sonho, dando lugar á mana. Sentou-se a filhota, e embora elucidada sobre a situação, recostou-se duvidosa e apreciou o momento. Tudo normal, ... um ou outro dente de leite por cair, mas o normal, ... uma limpeza de rotina.
No fim de contas, atadas as pontas das tarefas, o grandão desejava por ser o primeiro a usufruir das novidades, ... pisar o desconhecido, quiçá!
No sofá, á noite, acabou por ser o primeiro ... o cansaço das emoções. o sono revigorante, recostou-o na cadeira que voa pela galáxia sideral, cheia de fantasias, brincadeiras ... foi o primeiro!

Sem comentários: